Avançar para o conteúdo principal

Mensagens

Apresentados

"Hola mi niña, como estas? Hace dos anos de la JMJ"

Foi esta a mensagem que recebi ontem da minha mãe panamense Ida. Foi um baque forte. Que o tempo passa a correr, isso cada vez mais eu já sei; mas, sem dúvida, estes marcos, estas recordações de momentos tão fortes e significativos só nos fazem ganhar maior consciência disso.  Hoje, fazer memória das JMJ Panamá 2019 é fazer memória da multidão aos molhos a perder de vista a cantar em uníssono reunida em torno daquele pedaço de Pão, é fazer memória dos abraços, beijos e mãos entrelaçadas até com desconhecidos porque o coração está feliz, é fazer memória da beleza dos rostos sorridentes em liberdade. Hoje, é lembrar que há um ano tinha passado um ano e que estava nesse momento num concerto de professores a tocar para os meus alunos, e que, para tal, tinha deixado as minhas amigas penduradas num concerto dos Keane que tanto queria ter visto e que julgava ir a tempo de compensar com mil momentos juntas depois. Inevitavelmente, a saudade é maior de tudo quanto esta pandemia entretanto nos p

Mensagens mais recentes

Estender a mão

Retrospetiva de 2020, Recomeçar em 2021!

Poemas do presépio

"A Palavra que encarnou e encarna em nós" com Frei Filipe op

Encontro Nacional (Online) de Advento

A História da minha vida e a vida da minha história

Planeta Azul

A Caminhada (hoje, licenciada, sei que...)

Quis Deus que o Lourenço nos escolhesse como pais

Nosso amigo Deus

Encontro da comissão nacional VTS e da pjvIDSCS

Aveiro tem nova coordenação

Nossa Senhora do Rosário, somos família

Que fazemos aqui?

De volta às reuniões presenciais!

O que um lápis nos pode ensinar

Parabéns, Maria!

Bem aventuranças de Teresa de Saldanha

Madre Inês Champalimaud Duff - Merecida homenagem